COMUNICAÇÃO

Notícias

ELLA LINK GEOLAB - Estudo das condições do solo oceânico em tempo real

30/06/2020
Notícia

O novo cabo submarino da EllaLink que vai ligar a América do Sul e a Europa, com amarração em Sines e passagem pela Madeira, vai incluir um sistema de recolha permanente de indicadores no fundo do mar relacionados com sismologia, vulcanologia, ecologia marinha e oceanografia. Esta vertente do projeto, designada EllaLink GeoLab e que ficará sediada no Funchal, foi anunciada nas últimas horas pelo consórcio internacional que está a lançar a infraestrutura submarina.

O CEO do Grupo Ella Link, Philippe Dumont, declarou que a informação recolhida por esta estrutura é essencial para compreender “um tempo de constante mudança ambiental”, sendo que existem informações essenciais que podem ser recolhidas através da análise do solo oceânico.Estamos orgulhosos por liderar o caminho para uma nova era em que os sistemas de cabos submarinos apoiam este avanço científico”.

Será a primeira infraestrutura do género agregada a um cabo submarino, utilizando a tecnologia Distributed Acoustic Sensing (DAS) para recolha de dados ao longo do trajeto e transmitida para uma estação na Madeira, sendo que não terá qualquer impacto na vertente do tráfego de telecomunicações.

A CLS - Cable Landing Station do Cabo da Ellalink, localizada no Sines Tech - Innovation & Data Center Hub em Sines, na ZILS - Zona Industrial e Logística de Sines, já se encontra em fase de instalação.

  • aGPOnline | Política de Privacidade